• Início
  • Resenhas
  • Críticas
  • Autores Parceiros
  • Vídeos
  • Contato
  • Crítica: Mulher Maravilha (2017)

    "Treinada desde cedo para ser uma guerreira imbatível, Diana Prince nunca saiu da paradisíaca ilha em que é reconhecida como princesa das Amazonas. Quando o piloto Steve Trevor se acidenta e cai numa praia do local, ela descobre que uma guerra sem precedentes está se espalhando pelo mundo e decide deixar seu lar certa de que o Deus Ares está por trás disso e que pode parar esta guerra com sua morte. Lutando para acabar com todas as lutas, Diana percebe o alcance de seus poderes e sua verdadeira missão na Terra."

    Finalmente um filme de super herói protagonizado por uma mulher. O último filme que tivemos foi Elektra em 2005, que não é lá muito bom, e também é pouco conhecido. Depois da série de 1975 protagonizada por Lynda Carter, houveram vários projetos para adaptações cinematográficas da Mulher Maravilha mas que nunca saíram do papel, e em 2017 finalmente chega as telas uma das maiores heroínas dos quadrinhos, símbolo feminista e extremamente importante para o empoderamento feminino nos cinemas.

    Tivemos a primeira aparição da heroína no filme Batman V Superman no ano passado, que se passa nos dias atuais e apresente um mulher maravilha experiente, conhecedora do mundo dos homens, mas que preferiu ficar reclusa em meio aos mortais. Já nesse filme, contado na forma de um enorme flashback, temos uma Diana inocente, ainda descobrindo o mundo e seus próprios poderes.


    Esse processo de descoberta é mostrado de maneira bem natural no filme, mesmo quando não entende determinadas coisas, Diana nunca é retratada com ingênua ou burra, imagem das mulheres que é constante na história do cinema.

    Outro aspecto interessante relacionado a esse processo de descoberta é a maneira na qual a personagem se impõe aos homens. Vivendo numa ilha só com mulheres, Diana nunca teve que lidar com as limitações que as mulheres possuíam naquela época.

    E mesmo não sendo uma excelente atriz dramática, Gal Gadot consegue transmitir essa inocência somada a uma incrível auto confiança de maneira muito orgânica. Inclusive houveram muitas críticas a escolha da atriz israelense pro papel quando a mesma foi escalada para Batman V Superman. As reclamações foram principalmente que ela não era musculosa o suficiente ou que também não era "gostosa" o suficiente.


    E um ponto interessante em relação a isso nesse filme é que a diretora Patty Jenkins em nenhum momento exalta o físico da personagem, seja por meio da câmera ou mesmo pelo figurino. Enquanto em diversas outras produções com personagens femininas (heroínas ou não) vemos personagens com naquele clássico padrão de beleza inspirando meninas jovens a tentarem se enquadrar nesse padrão, ou se sentirem mal por isso.

    Patty Jenkins faz questão de exaltar a força da personagem por conta disso uma sensação comum depois de ver o filme é justamente se sentir inspirado por essa força. Qualquer um pode ser forte como a mulher maravilha. Isso também se refere as amazonas, gostei bastante de como foram retratadas, todas as atuações boas, e algumas das melhores cenas são com elas.


    Também é legal ressaltar a maneira como o filme trabalha a ideologia feminista. Não é um filme panfletista, não há uma enorme bandeira levantada aqui. Mas a ideia é clara. Em vários momentos do filme Diana tem que provar suas habilidades para Steve. O momento do filme em que chegam no front é um dos melhores exemplos disso. Diana já havia demonstrado que era capaz de se defender de balas e mesmo assim Steve duvida que ela consiga.

    Agora falando mais da personagem em si, achei bem interessante que considerando que os heróis da DC em comparação com a Marvel são muito endeusados. A Mulher Maravilha é a mais humana deles até agora, Diana é forte, poderosa, independente mas também muito sensível, romântica e possui muita compaixão.


    Eu fiquei bem feliz com a qualidade das cenas de ação. Patty Jenkins não é uma super diretora de cenas de ação, mas elas são bem dirigidas. Gostei muito de como ela usa a câmera lenta para destacar os movimentos das cenas de luta, é um recurso usado muito ao longo do filme mas que incrivelmente nunca fica saturado.

    Os efeitos visuais são muito bons até o segundo ato. É no terceiro ato que se encontra o único problema do filme. Como já era de se esperar, o clímax do filme possui a famosa "luta final". Mas que nesse caso acabou ficando meio desconexa do restante do filme, que tinha cenas mais orgânicas, enquanto o terceiro ato parece mais o final de Batman v Superman. E poderia até ser empolgante se não tivesse tanta conversa em meio a ação. Os filmes da DC precisam aprender que um clímax não precisa necessariamente de super explosões catastróficas.


    O filme não deixa ganchos para continuações nem para Liga da Justiça, porém baseado na aparição da heroína em BvS podemos fazer algumas suposições. Ao enfrentar Apocalipse Diana diz "já matei criaturas de outros mundos antes", vale lembrar também que ela termina esse filme acreditando nos homens, já em BvS, ela diz que perdeu a fé nos homens. Então tem mais histórias dela que futuramente poderemos saber.

    Mulher Maravilha certamente não é o melhor filme de super herói de todos os tempos, mas é disparado o melhor filme desse universo da DC até agora. Mesmo com um terceiro ato problemático é um excelente filme e importantíssimo para futuros filmes de heroínas. Só podemos esperar que o impacto seja grande.

    Não deixe de comentar o que achou!

    17 comentários:

    1. Oi, tudo bem? Estou bem ansiosa para assistir esse filme apesar de não gostar de filmes de super heróis, seu resumo foi bem proveitoso para mim. obrigada.

      ResponderExcluir
    2. Esse é o filme que eu mais espero do ano de 2017, ainda não assisti mas estou muito ansiosa!

      ResponderExcluir
    3. Ainda não consegui ir assistir, mas acho que esse filme deve ser ótimo, todo mundo fala super bem dele.
      Beijos
      Mari
      www.pequenosretalhos.com

      ResponderExcluir
    4. Oi Gustavo, infelizmente os filmes da DC não empolgam como os da marvel, mas mesmo assim, não consigo deixar de ver. A descrição da Mulher Maravilha não é a mesma da dos quadrinhos, pois não a acho tão sensível assim, mas gostei de saber desta mudança. Já estou me programando para ir ver.
      Bjs, Rose.

      ResponderExcluir
    5. Olá Gustavo, tudo bem?
      Estou louca para assistir esse filme. Amo filmes de heróis e como a mulher maravilha é minha heroína favorita estou com muitas expectativas nele.
      Amei a sua critica, parabéns!
      Beijos

      ResponderExcluir
    6. Oi, tudo bem?
      Que bom ler sua crítica e ver que gostou do filme. Eu estava bastante desanimada para assistir esse filme, porque os últimos da DC foram péssimos. Então, fico feliz de saber que este se salvou.
      Concordo que já estava passando de hora de ter um filme de heróis protagonizado por uma mulher. Espero que a Marvel resolva se inspirar e faça um para a Viúva Negra também.
      O único ponto que discordo de você é com relação ao figurino. Nesse ponto, pelas imagens que vi do filme, achei que o avanço foi bem pequeno e que as roupas dela continuam sendo um tanto apelativas.
      De qualquer forma, fiquei mais animada para assistir ao filme e, quem sabe, superar essa desconfiança que ando sentindo em relação aos filmes da DC.
      Beijos!

      ResponderExcluir
    7. Oii, tudo bem?
      Ainda não assisti ao filme, mas adorei a crua crítica.
      Não sabia que algumas pessoas haviam feito essas reclamações (ridículas, aliás) por ela não ser "gostosa" o suficiente, por exemplo. Eu só vi a atuação da atriz em Batman VS, Superman e achei mais ou menos também kkkk mas acredito que ela tenha mostrado bem o lado ingênuo da personagem, pois ela mesma tem uma carinha super fofa, haha
      Gostei do fato do filme... como posso dizer? Digamos, que ele não fala apenas de feminismo como uma revolução doida que muitas vezes é o que acontece. Ela mostra sua força sem precisar gritar "feminismo" e isso é muito bacana.
      Espero poder assistir em breve <3

      ResponderExcluir
    8. quero muito assistir, geral tá curtindo o filme e eu acredito que realmente vou apreciar a história... bom ter uma imagem feminina entre heróis, precisamos ser representadas com mais relevÂncia ^^
      bom que o foco não é o corpo da personagem...

      bjs...

      ResponderExcluir
    9. Estou super ansiosa para assistir esse filme, amei suas considerações sobre e atiçou ainda mais minha curiosidade.Sou super fã da Mulher Maravilha e estou vendo muitas avaliações positivas do filme, fico feliz com isso. Bjs

      ResponderExcluir
    10. Hey!
      Esse filme é o que salvou a DC, ele é totalmente empoderador e maravilhoso, não tenho como descrever a maravilha que ele é! Pra mim, foi o melhor lançamento do ano!

      Bjos <3

      ResponderExcluir
    11. Olá,
      Adorei o filme.
      Confesso que gosto muito da DC, mas em questão de adaptações cinematográficas deixa um pouco, ou muito, a desejar. Detestei BvS e também Esquadrão. Mas Mulher Maravilha, veio para zerar as más impressões e poder apostar em Liga da Justiça para Novembro.
      Beijos

      ResponderExcluir
    12. Oiiii, morrendo de medo de spoilers kkkk. Ainda não fui ver, mas preciso fazer isso o quanto antes. Pelas imagens e trailer, acredito que a história tenha ficado incrível. Sua resenha está aqui para aumentar minhas expectativas. Bjs

      ResponderExcluir
    13. Oie
      Eu fui ver essa semana e olha que não sou fã de filmes de heróis, mas esse super me atraiu e resolvi dar uma chance. Bem interessante e gostei muito, a atriz agradou

      beijos
      http://realityofbooks.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    14. Oi gustavo, estou doida pra ver esse filme! Eu sou do tempo que a Mulher Maravilha ainda era desenho tinha camiseta e tudo!Logo vejo esse filme!
      Fiquei com mais vontade ainda de assistir, adoro cenas de lutas dos heróis!

      ResponderExcluir
    15. Olá, tudo bem?
      Eu estou louca para assistir esse filme, parece estar maravilhoso!
      Um beijo.

      ResponderExcluir
    16. Olá. Tudo bem??
      Estou louca para vero filme. Estou bastante animada para conhecer mais sbre a origem e a força da Mulher Maravilha. Só vejo elogios sobre o filmes.
      Bjo

      ResponderExcluir
    17. Não sou fã de HQs, mas eu achei um dos melhores filmes de heróis que já vi. Tem seus errinhos? Tem, mas nada de mais ao meu ver.
      Bela crítica!



      Minha Fuga da Realidade

      ResponderExcluir