• Início
  • Resenhas
  • Críticas
  • Autores Parceiros
  • Vídeos
  • Contato
  • Crítica: Batman Vs Superman - A Origem da Justiça (Versão Estendida)


    Capa da edição definitiva.

    Recentemente chegou as lojas a chamada "edição definitiva" de Batman Vs Superman - A Origem da Justiça. A nova versão conta com a duração de 03hrs5min. Contendo cenas estendidas e algumas cenas inéditas. 
    A primeira versão do filme chegou aos cinemas brasileiros em 24 de março deste ano. Resumidamente, o filme parte dos acontecimentos finais de "O Homem de Aço", e mostra Bruce Wayne (Ben Affleck) que atua em Gotham como um vigilante mascarado conhecido como Batman. E temendo as descontroladas ações de um super herói quase Deus, o forte e vigilante de Gotham toma seu partido em meio a uma discussão de qual tipo de herói o mundo realmente precisa. Enquanto Batman e Superman estão em guerra, uma nova ameaça surge rapidamente, colocando a humanidade em um perigo nunca antes conhecido.

    Como diz o próprio Lex Luthor "a maior batalha de gladiadores da história". Foi desta forma que o filme foi vendido. Mas o que vemos em cena vai muito além disso. A rixa entre os heróis fica clara desde o começo do filme. Há toda uma tensão política acerca de diversos temas baseados nos acontecimentos de O Homem De Aço. Além do ponto de partida para A Liga Da Justiça. Era um filme que gerava expectativa, mas que, no entanto, sempre gerou dúvidas desde o início de sua produção. Como Zack Snider iria conseguir introduzir tantos personagens em um único filme de forma que tudo fizesse sentido.? Não seria uma tarefa nada fácil. E realmente não foi. O filme tem alguns problemas no roteiro devido ao excesso de informação. Em alguns momentos as cenas são dispostas de maneira tão intensa que mal dá tempo de processar tudo. Entretanto isso não é exatamente um ponto ruim. É diferente de tudo que já foi feito no ramo dos heróis. Conseguindo ter sua própria identidade ao invés de seguir o estilo marvel ou inclusive o estilo Nolan.

    Um Batman como nunca foi visto antes, brutal, violento, impaciente, conflituoso. Ben Affleck funciona muito bem como Batman e como Bruce Wayne. Quanto a Henry Cavill, nota-se um progresso desde O Homem De Aço, mas ainda está em fase de desenvolvimento.  Já a Amy Adams está muito mais participativa e relevante nesse filme.


    Jesse Eisenberg interpreta um Lex Luthor diferente de todos já vistos. Muito mais excêntrico, carismático e insano. Que funciona bem apesar de o roteiro falhar em alguns pontos. O CGI funciona bem até o terceiro ato do filme. Onde se torna pesado demais, apesar de que provavelmente não havia outra forma de fazer uma cena com o Apocalipse.




    E falando em Apocalipse não se deve esquecer de Gal Gadot como Mulher Maravilha, que em seu pouco tempo em cena consegue atrair toda atenção, e não somente pela beleza da atriz, mas por toda a caracterização expressiva da personagem. Suas cenas de ação são fantásticas. Demonstram toda a força da personagem. 
    E algo que contribuiu muito para que isso funcionasse é a trilha sonora. Muito mais marcante, empolgante, pesada. Hans Zimmer em colaboração com Junkie XL conseguiram produzir uma trilha sonora apropriada, marcante e sem exageros.


    E por último, mas não menos importante, a fotografia do filme. Conforme o desenrolar da trama ela deixa de ser um elemento tão marcante. Mas especialmente no primeiro ato, a fotografia é belíssima. Há todo um lance com pérolas na introdução do filme. Sensacional. 





    Quanto a versão estendida. Algumas tramas ficam mais claras. E também há personagens novos.
    O TEXTO A SEGUIR CONTÉM SPOILERS:
    -
    -
    -
    -
    -
    Começando pela cena do deserto que agora é muito maior. Vemos Lois Lane chegando ao local desacompanhada. E depois encontra o suposto fotógrafo que na verdade era um agente secreto.

    Nessa cena estendida fica muito mais clara a falsa culpabilidade de superman. Após o mesmo salvar Lois Lane. O personagem Anatoli realiza a armação de carbonizar cadáveres para queimar cadáveres para incriminar Superman


    A trama envolvendo a personagem Kahina Ziri (a mulher negra que depõe contra Superman) também é muito melhor desenvolvida nessa versão do filme. 
    Clark Kent investiga a personagem. E também é explicado toda a armação de Lex Luthor com a personagem. Além disso, há a cena da morte da personagem, a mesma foi brutalmente assassinada por Anatoli, que a jogou na frente de um trem,

     

    Talvez a maior decepção dessa versão. Tanto se especulou de que a personagem de Jena Malone fosse Bárbara Gordon, a Batgirl. No entanto a personagem é apenas uma funcionária do laboratório forense que examina bala que Lois Lane encontrou presa em seu diário.
    A cena em que Lex Luthor encontra a Lexcorp invadida e a Kryptonita roubada também é maior, nesta versão Luthor vê imagens do Batman nas gravações das câmeras de segurança e encontra o local todo destruído.


    Talvez essa seja a cena extra mais conhecida de todas por ter sido divulgada na internet tempos depois da estréia do filme. Logo após a morte de Superman, policiais invadem a nave espacial na qual Luthor se encontrava e o encontram de frente a uma enorme criatura segurando 3 cubos que seriam as famosas "caixas maternas". Já foi confirmado que a criatura é o personagem "Lobo da Estepe" e que o mesmo aparecerá em Liga Da Justiça.

    Por fim, há um acréscimo a cena do interrogatório de Lex Luthor no final do filme. No acréscimo, Batman diz a Luthor que conseguiu com que o mesmo fosse enviado ao asilo arkham onde batman teria alguns "amigos". 

    Portanto, vale muito a pena conferir a versão estendida de Batman Vs Superman. Apesar de muito longa, a narrativa é muito mais clara e paciente. Provavelmente teria se saído melhor nas criticas se a versão dos cinemas fosse estendida. E é muito legal acompanhar algumas tramas que não foram desenvolvidas na versão exibida no cinema. No geral, Batman Vs Superman é um filme excelentemente diferente, no qual é possível reconhecer marcas pessoais do diretor Zack Snyder. Mas que acabou por não agradar parte do público. Contudo vale a pena conferir de qualquer forma.


    Gustavo Matheus

    2 comentários:

    1. OH GOD! Eu quero esse DVD, assisti ao filme no cinema, e agora com cenas inéditas e versão estendida quero assistir de novo!! *-*
      Bjss, comenta por favor, ajudaria muito ^^
      https://resenhasteen.blogspot.com.br/2016/07/mamae-de-trigemeos-e-sucesso-na.html

      ResponderExcluir
    2. Eu já adorei a versão dos cinemas, estou louco para ver como ficou a estendida! É um filme tão longo, mas eu nem percebi o tempo passar, não me cansei, ao contrário de muitos filmes com a mesma duração que parecem não acabar nunca. Essas três horas da estendida intimidam, mas, pela sua resenha, dá pra ver que foram bem aproveitadas, então espero nem sentir o tempo passar também!

      Abraços, Adan
      http://mundosnaestante.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir