Resenha: Os Humanos



Quando um visitante extraterrestre chega à Terra, suas primeiras impressões da espécie humana são pouco positivas. Ao assumir a forma do professor Andrew Martin, da Universidade de Cambridge, o visitante está ansioso por cumprir a tarefa macabra que lhe foi incumbida e voltar rapidamente para seu planeta. Ele se sente enojado pela aparência dos humanos, pelo que eles comem e por sua capacidade de matar e guerrear. Mas, à medida que o tempo passa, ele começa a perceber que pode haver mais coisas nessa espécie do que havia pensado. Disfarçado de Martin, ele cria laços com sua família e começa a ver esperança e beleza na imperfeição humana, o que o faz questionar a missão que o levou à Terra.




Esse é o primeiro livro que eu leio depois que fechei parceria com a Jangada, e devo dizer que eu comecei essa parceria com chave de ouro, pois consegui encontrar tudo o que eu gosto em apenas um livro.

Em "Os Humanos" conhecemos a historia de um extraterrestre que é enviado a terra disfarçado de Andrew Martin (sendo que o de verdade foi abduzido), assim que chega a terra ele não tem a menor noção de como é viver aqui e os costumes, tanto que começa a andar pelado pela cidade. Depois de ser parado por policiais, ele é encaminhado para uma clinica psiquiátrica e recebe a visita de sua esposa, lá dentro mesmo estranha os hábitos dos seres humanos e faz questionamento a tudo. Mas como não pode perder tempo, pois o seu objetivo aqui na terra é eliminar uma descoberta matemática que o Andrew fez, e todas as pessoas que tiveram contato ou que soubessem dessa pequisa, então acaba dando um jeito de sair. Porém com o passar dos dias ele começa a ver que os seres humanos não são tão ruins quanto ele achava, e que eles tinham o seu lado bom, e começa a entrar em um conflito interno e também com os seus "superiores" sobre finalizar ou não essa missão.

"Os humanos, em seu típico modo de ser, escrevem uma quantidade tamanha que não é possível dar conta. A leitura é acrescentada á grande pilha de coisas - trabalho, amor, desempenho sexual, as palavras que eles não dizem quando realmente precisam dizê-las - que os fazem se sentir um tanto inclinados á insatisfação"

A historia é narrado pelo ponto de vista do extraterrestre disfarçado de Andrew. Podemos perceber logo no inicio do livro que ele é bem critico em relação as coisas aqui na terra, desde porque nos vestimos até nossas manias e alimentação. Ele fica bem perdido nessa vida que ele está levando, pois não tem memoria nenhuma da vida do verdadeiro Andrew, e nesse dia a dia que a historia via se desenvolvendo, ela foca nos problemas da família Martin e também na missão e nas descobertas do extraterrestre.

Isobel é a esposa do Andrew, percebemos logo no inicio da historia que o casamentos deles estava em crise, mas mesmo assim ela ainda é apaixonada no marido. Ela estranha as novas manias do companheiro, mas acredita que é por causa do "colapso" que ele teve. Ela é uma mulher calma, atenciosa e carinhosa e que tenta segurar esse casamento que está prestes a desmoronar.

Gulliver é o filho do casal e ele não se da muito bem com o pai, pois não segue o padrão que o Andrew desejava, ele não era um gênio. Tudo o que ele queria era um pouco de atenção e poder entrar em uma banda, mas o pai não deixa. Ele foi bem desenvolvido na historia, percebemos que está perdido e sem rumo, e não sabe o que fazer da vida, e acabou sendo um personagem tocante e muito real para mim.

"O amor provoca medo porque o suga com uma força intensa, um buraco negro supermassivo que não parece nada visto de fora, mas, quando se está dentro ele desafia qualquer coisa dita pela razão."

O livro acabou sendo quase o oposto do que eu esperava mas isso de maneira nenhuma foi ruim. Eu estava aguardando uma historia leve e despretensiosa, e acabei encontrando uma leitura intensa, dramática, e com humor critico. Eu adorei esse livro pois ele faz muitos questionamentos ao nossos hábitos e manias, nos faz pensar sobre o que é realmente importante em nossas vidas: Família ou trabalho?

Ele desconstrói a imagem de seres humanos bons e maus, e mostra que todos temos os dois lados dentro de nós. Nos faz pensar sobre ter vida em outros planetas e sobre tudo o que o ser humano já descobriu e que ainda vai descobrir.  E tudo isso é reunido em apenas um único livro, que possui uma leitura fluída com personagens surpreendentes e cativantes.

A capa e a contra capa do livro demonstram perfeitamente a essência da historia, as páginas são amareladas, as letras estão de uma tamanho bom para a leitura e eu não encontrei nenhum erro de tradução. Com certeza esse livro vai entrar para os favoritos da vida.


Editora: Jangada
Autor: Matt Haig
Páginas: 310

Livro no Skoob

Onde comprar: Buscapé  Jangada

Facebook: Jangada  Fonte da Leitura


Espero que tenham gostado!
Um grande abraço e até a próxima.

17 comentários:

  1. Oi Giovana :)
    Eu li a resenha desse livro e fiquei louco <3 Quero lê-lo o quanto antes pois nele encontro tudo que curto em uma leitura
    Abraço
    http://interessantedeler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Estou muito ansiosa para ler esse livro, infelizmente meu exemplar ainda não chegou por aqui. Sua resenha me deixou ainda mais curiosa para conferir essa trama, ainda mais por ser um gênero que me atrai bastante. Imagino que, ao longo das cenas, também seja possivel refletir sobre as ações dos humanos, ou algo relacionado.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  3. Oie Giovana!
    O enredo não me chama muito a atenção, mas você fala tanto que o livro foi o oposto do que você esperava que chega a me deixar curiosa, teria que ler mesmo pra saber se iria gostar mesmo.
    Beijos!!


    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  4. Oi, não curto muito livros com alienígenas porque geralmente, são mega repetitivos. Mas a premissa deste aqui é muito original. Essa coisa do personagem mudar de opinião sobre os terráqueos é bem legal e claro, a reflexão que tudo tem seu lado bom e ruim. Adorei e espero poder ler em breve!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá Giovana,
    Nossa, eu adorei a premissa do livro.
    Desde que havia visto o lançamento, tinha ficado interessada. Gostei de saber que o livro derruba essa imagem de homens maus e bons.
    Espero ter a oportunidade de ler em breve, pois gostei mesmo.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi giovana!

    É a segunda resenha que leio desse livro e nossa, mais uma vez me peguei curiosa sobre o livro. Eu acredito em Et's sabe? E amo Sci-fi, é óbvio que esse livro tem tudo o que me desperta o interesse. Ainda mais por ele levantar esse lado mais crítico e desconstruir algumas coisas sobre a humanidade. Parabéns pela resenha. :D

    beijo!

    ResponderExcluir
  7. Olá, eu terminei de ler esse livro e fiquei maravilhada com ele. Achei muito diferente a proposta do autor e também fiquei surpresa, eu não esperava que o enredo se desenvolvesse da forma como aconteceu e gostei bastante.

    ResponderExcluir
  8. Estou doida para ler esse livro, o meu já deve estar chegando. O que me chamou a atenção é que a expectativa que tenho é de que a obra seja exatamente como você descreve em suas impressões. Nunca tive a impressão de que se tratasse de uma narrativa leve. Adorei a sua resenha, deixou-me mais ansiosa ainda pela leitura.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  9. Oiee Giovana ^^
    Quando vi esse livro no catálogo de lançamentos da editora, confesso que não achei a premissa muito interessante, então deixei o livro de lado, mas saber que você gostou tanto me animou um pouco. Não imaginei que o livro era assim tão bom *-* estou me sentindo um pouco arrependida agora...hehe' Adoro histórias intensas e dramáticas ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Eu recebi o livro semana passada, e confesso que também esperava uma leitura mais despretensiosa. Mas que bom saber que não é bem assim, adoro histórias mais intensas. E eu amo livros com extraterrestres, então estou bem ansiosa para ler!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Gi...
    Desde que vi o livro no catálogo eu curti a premissa... afinal adoro uma ficção científica, mas quando vi já tinha solicitado Ecos do Espaço, então vou esperar um pouquinho para solicitar rs... Adorei a sua resenha e fiquei muito feliz que você curtiu e que não era o que você esperava de maneira positiva... xero!

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Achei esse livro muito interessante. A forma como ele entrou no corpo de Andrew e não se lembra bem das funções básicas da vida humana. Ele precisa começar do zero e deve ser muito divertido ler sobre esse aprendizado.
    É um livro que pretendo ler no futuro, com certeza!
    Ótima resenha, retratou muito bem do que se trata o livro e fiquei com gostinho de quero mais.

    Abraços, Lara.
    http://www.imperio-imaginario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Ooi,
    A princípio a sinopse e a capa não chamariam a minha atenção, mas acho que na sua resenha você soube ressaltar os pontos positivos muito bem o que me fez ficar super interessada em conhecer a raça humana pelos olhos desse alien.
    Vitória Zavattieri
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  14. Eu já estava de olho nesse livro, mas também achava que encontraria algo diferente. O que você disse só fez com que eu me interessasse mais, adoro livros com carga dramática, intensos e com humor crítico. Para mim é muito importante que os personagens cativem o leitor, e gostei de saber que a leitura te causou tantas reflexões. Com certeza vou querer ler.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  15. Oii,

    Que história maluca...hahahaha, mas interessante. Nunca li nada nessa temática e achei a mesma interessantíssima. Com certeza vou querer ler esse livro.

    beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Até hoje li pouquíssimos livros com aliens e sempre gosto quando encontro críticas sobre a sociedade/humanidade que eles encontram. Ainda não conhecia essa obra.

    ResponderExcluir
  17. Olá,
    Não conhecia o livro mas amei a capa. Gostei da sinopse e da sua resenha. Fiquei muito curiosa para ler e tirar minhas próprias conclusões e, claro, saber se ele cumpriu seu objetivo ou não!
    Beijos,
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir